*Os livros estão na ordem de leitura recomendada.

Como os cinco sentidos podem criar um objeto interno sem objeto externo?

24/02/2022 by in category Desmaterializando o universo, Fábrica da realidade, Perguntas, Realidade multimídia tagged as , , with 0 and 0

Vamos supor que te envie uma fotografia de uma girafa. O que saiu do meu computador, viajou pela internet, chegou até o seu computador e está fazendo você ver essa girafa, foi uma girafa? Essa girafa foi andando pelo fio da internet e entrou na tela do seu computador? Foi isso que aconteceu?

INTERLOCUTOR: Não, o que viajou pela internet foi uma série de impulsos que o meu computador decodificou e mostrou na tela como girafa.

O mesmo está acontecendo com tudo isso que você chama objetos materiais e externos. Fora do ser que você é (voser), não tem objeto material e externo. Fora de voser, nem objeto-você tem (seu corpo). Fora de voser, só tem impulsos, seres pulsando. Igual na internet.

INTERLOCUTOR: Como você sabe que não tem nada fora se nunca sai de dentro?

“Fora” é uma palavra da lógica materialista e dualista que estou usando para conseguir me comunicar com você através de palavras. Não existe palavra no dicionário capaz de expressar o que estou te explicando sem gerar essa dualidade “dentro e fora”. Ruim com palavras, pior sem elas. Então, estou usando a palavra “fora” apenas como recurso de expressão. Dito isso, sei que não tem nada fora porque para mim é óbvio que realidade objetiva é experiência de fisicalidade e não matéria.

INTERLOCUTOR: Então, didaticamente falando e com analogias: fora do ser que eu sou, estão os impulsos que decodifico para criar a minha realidade?

Fora do ser que você é (voser) estão os outros seres universais, os outros nadas, os outros zeros. Isso é a alteridade existencial. Os outros seres também são potentes, ou seja, também vibram igual você. Sua decodificação humana da vibração dos outros seres é sua realidade objetiva humana.

© 2021 • 1FICINA • Marcelo Ferrari