Verdadeira religião humana

17/10/2022 by in category Deus da cara preta, Textos tagged as , , with 0 and 0

Se engana quem pensa que o Deus humano é o dinheiro. Dinheiro não é objetivo. Ninguém come dinheiro. Dinheiro é apenas meio para se chegar ao fim: ter. A verdadeira religião humana é a propriedade. Tanto é assim que os seres humanos acreditam que são só humanos (só corpos) e não seres humanos. Toda a cultura humana é tenhocêntrica. Nem a cultura espiritual escapa disso. O tão prometido reino dos céus, por exemplo, nada mais é do que a troca do ter-físico pelo ter-metafísico.

A lógica do tenhocentrismo é: valor = ter. Quem tem é valoroso. Quem não tem é sem valor. Logo, se você não tem, não vale nada. Quer você esteja consciente ou não, você foi programado para ser tenhocentrico. Então, toda sua busca por ter, na verdade, é uma busca por valor. Você quer ter dinheiro para ter valor, quer ter esposa, marido, casa e filhos para ter valor, quer ter razão para ter valor, quer ter poder para ter valor, quer ter fama para ter valor, quer ter aplauso e likes para ter valor, etc.

“Sempre em frente! Não temos tempo a perder!” diz o tenhocentrismo. Mas em frente para onde? E para que? Para ver quem chega mais rápido e rico ao cemitério? Eu sei! Não é fácil sair do tenhocentrismo. É quase impossível. É uma mentalidade básica e muito arraigada que vive sob a proteção de outra quase incontestável: o materialismo. Mas você pode sair de ambas praticando autoconhecimento. É como arrancar a própria pele, mas é possível.

Boa prática!

“A Matrix é um sistema, Neo. Esse sistema é nosso inimigo. Mas quando você está dentro, você olha em volta, o que você vê? Homens de negócios, professores, advogados, carpinteiros. As próprias mentes das pessoas que estamos tentando salvar. Mas até que sejam salvas, essas pessoas ainda são parte do sistema e isso as torna nossas inimigas. Você precisa entender que a maioria dessas pessoas não está pronta para serem desconectada. E muitas delas estão tão acostumadas, tão irremediavelmente dependentes do sistema, que lutarão para protegê-lo.”

© 2023 • 1FICINA • Marcelo Ferrari