TRABALHO LIVRE

03/05/2020 by in category Textos with 0 and 0

Como você consegue se manter financeiramente fazendo um trabalho gratuito?

Sua pergunta não é uma pergunta de autociência. É uma pergunta pessoal. Porém, é muito recorrente. Já devo ter respondido essa pergunta umas 100 vezes, então, vou responder 101 vezes e vou colocar no site, daí, quando me perguntarem novamente, é só enviar o link.

Como fazer um bolo de chocolate? Como emagrecer em duas semanas? Percebe? Quando perguntamos “como”, estamos buscando a receita infalível, estamos buscando o tutorial do sucesso. O youtube está cheio de tutoriais. Acho ótimo. É uma das coisas que mais assisto no youtube. Principalmente de informática. Contudo, a unicidade e as circunstâncias de cada um não é um android nem um windows. Então, são três os problemas na busca pelo tutorial do sucesso.

1) O que funciona 100% para mim, só funciona 100% para mim, pois eu sou único, singular, diferente de todos os seres do universo. E vice versa. O que funciona 100% para você, só funciona 100% para você, pois você é único, singular, diferente de todos os seres do universo.

2) Na metodologia científica, para que uma experiência obtenha ao mesmo resultado da outra (mesmo sucesso), uma deve reproduzir exatamente as mesmas condições da outra, ou seja, as mesmas circunstâncias. Só que isso é impossível entre pessoas. É impossível para tudo. Mas enfim, as minhas circunstâncias também são singulares, diferente de todos os seres do universo. E vice versa.

3) Circunstâncias são circunstanciais. O que funciona num instante pode ser a pior opção no instante seguinte. Problema é dinâmico, vivo, muda de instante a instante. Então, solução precisa ser dinâmica também, viva, mudar de instante a instante. Não dá para engessar o sucesso em um tutorial porque problema nenhum é engessável. Uma solução que funcione para mim mesmo hoje, mudando as circunstâncias, pode ser minha ruína amanhã.

Dito isso, já posso responder sua pergunta:

PERGUNTA: Como você consegue se manter financeiramente fazendo um trabalho gratuito?

Minha unicidade, minhas circunstâncias e minhas escolhas possibilitam isso.

Vou começar pela unicidade. Sou uma pessoa sem ambições materiais. Minha ambição é por sabedoria. Se tivesse ambições materiais, não teria abandonado os empregos lucrativos que já tive. Mas alerto que isso sou eu. Não me forço a ser assim. Não aprendi a ser assim. Não me doutrinaram para ser assim. Eu sou assim desde que nasci. Cada um tem um jeito de ser. Esse é o meu. Se você se forçar a ser igual a mim, só conseguirá viver mal. Não recomendo. Para viver bem, seja você mesmo.

Sobre minhas circunstâncias. Atualmente tem 50 anos, sou casado e não tenho filhos. Não ter filhos é uma circunstância que favorece muito trabalhar gratuitamente. Creio que se eu tivesse filhos, seria inviável fazer um trabalho gratuito. Outro fator favorecedor é ser proprietário de um imóvel em São Paulo, um apartamento. Antes de começar o trabalho da 1ficina, eu morava nesse apartamento e trabalhava para pagar as contas, o que incluia o condomínio do apartamento. Daí tive a ideia de alugar o apartamento e ir morar em um lugar mais barato. O que estava consumindo minha renda mensal passaria a gerar renda mensal. Coloquei a ideia em prática e vim morar em Uberlândia, Minas Gerais. Com a renda do aluguel do apartamento, pago minhas contas aqui, vivo bem, e principalmente, posso trabalhar com o que amo e pelo inútil prazer de fazer o que amo. Se o mercado imobiliário falir, minha vaquinha vai pro brejo, vou ter que encontrar outra solução para continuar fazendo o trabalho da 1ficina. Mas meu desejo é manter gratuito sempre.

Sobre minhas escolhas, estão implícitas nas explicações acima, mas vou explicitá-la. Chegou um momento na minha vida em que desisti de tudo. Absolutamente tudo. Perdi as esperanças. Decidi que não iria mais fazer opções esperando esse ou aquele resultado. Decidi que iria fazer o que achava melhor e foda-se. Me desliguei do resultado. Me concentrei totalmente em investigar minhas circunstanciais opções, eleger a melhor para aquela circunstância e colocar em prática. Só isso. Nada além disso. Se aquela opção me levasse para o buraco, iria para o buraco feliz. Se me levasse para cima da montanha, iria para cima da montanha feliz. Ou seja, fosse para onde meu arbítrio me levasse, eu iria feliz. E isso que importava. Se eu chegasse em um lugar indesejado, bastaria eu optar novamente e seguir viagem feliz. Trabalhar gratuitamente é uma dessas opções. Me mantenho trabalhando gratuitamente porque continuo considerando a melhor opção.

Para terminar, faço uma observação interessante. Trabalho gratuito em inglês se diz “free work”. O que dá um duplo sentido. Ao pé da letra a tradução é “trabalho livre”. É isso! Não trabalho gratuitamente, sou um free worker, sou um trabalhador livre. Recomendo. Creio que esse é o futuro do trabalho. Mas para isso precisamos nos libertar do que nos impede de trabalharmos livremente. E para nos libertarmos do que nos impede, daí tem receita sim: praticar autociência.

© 2020 · 1FICINA · Marcelo Ferrari