SUICÍDIO DA UNICIDADE

29/09/2018 by in category Textos with 0 and 0

Você acredita que se viver sendo você, espontaneamente você, o outro vai te rejeitar, te excluir, te odiar, te crucificar, enfim, vai te matar (metaforicamente falando). Ora, a menos que esse outro seja um repolho, uma melancia, uma parede, um tatu, enfim, algo não humano, você está certo, muito provavelmente o outro vai te matar sim. Então, o que você faz para evitar que o outro te mate? Você se suicida (metaforicamente falando). Ou seja, você mesmo se mata fingindo ser outro, fingindo ser o que não é. Você sofre com isso, claro! Imagine a dor de um cavalo se obrigando a mugir e dar leite! Imagine a dor de uma águia se obrigando a rastejar feito cobra! Não tem nada mais sofrido do que viver em negação de si. É uma tortura. Então, se quer viver bem, pare de se rejeitar para ser aceito pelo outro. Você não tem obrigação de agradar ninguém. Tire essa corda do pescoço. Aceite a si mesmo. Não é se suicidando que você vive.

© 2018 · 1FICINA · Marcelo Ferrari