*Os livros estão na ordem de leitura recomendada.

Quando vejo maldade no outro essa maldade existe em mim também?

30/05/2022 by in category Dilema do objetivo, Perguntas tagged as , , with 0 and 0

O conceito de maldade sim, caso contrário você seria incapaz de reconhecer e nomear o que está vendo. A intensão ou a prática de ser maldoso, não necessariamente.

Contudo, pode ser que a maldade que você está vendo no outro, não está no outro, só está em você. Isso acontece porque bem e mal depende do sistema de crenças do observador.

Vamos supor que o seu sistema de crenças, por algum motivo, tenha uma programação assim: “Pessoas de cabelo grisalho são pessoas do mal”. Quando você olhar para mim, mesmo que não exista maldade em mim, você verá maldade, pois bem e mal, para você, depende da programação mental que está em você.

Pergunta: Como saber qual o parâmetro certo?

Não existe parâmetro certo. Se existisse estava tudo resolvido. Transformávamos o parâmetro certo em lei planetária e todos os malvados que descumprissem a lei seriam lançados ao espaço.

Cada um está certo em seu parâmetro. Para você, malvado são os grisalhos, para outro, são as pessoas que falam bolacha, para outro, são as pessoas que falam biscoito, e assim por diante. Somos 8 bilhões de seres humanos no planeta, então, são 8 bilhões de certos e 8 bilhões de errados.

E a causa da má convivência não está no fato de que cada um tem um critério diferente, está na tentativa de que seja igual.

Pergunta: Como saber se a maldade que vejo no outro é do outro ou está no meu sistema de crenças?

É óbvio que está no seu sistema de crenças, caso contrário, você seria incapaz de reconhecer e nomear o que está vendo. Esclarecido isso, sua pergunta está partido da premissa de que o seu critério de avaliação da maldade é absoluto. Só que não é. Seu critério é pessoal. Todo critério é pessoal. Fazendo essa correção, sua pergunta fica assim:

Pergunta: Como saber se a maldade que EU AFIRMO no outro é reconhecida pelo outro?

Simples! Perguntando ao outro. No caso do cabelo grisalho, a pergunta seria assim:

— Sabe, Ferrari, para mim, pessoas com cabelo grisalho são pessoas com maldade. Você tem cabelo grisalho, então, você é malvado. Concorda comigo?

Eu te responderia:

— Não, discordo. Para mim, pessoas com maldade são pessoas que usam camisa preta com crucifixo de ponta cabeça. Então, eu sou do bem, pois nunca usei isso.

© 2021 • 1FICINA • Marcelo Ferrari