Por que vários mestres dizem que sou só consciência e não tenho arbítrio?

26/03/2022 by in category Olho que não se vê, Perguntas tagged as , , with 0 and 0

Todos os professores que conheço ignoram a UNItrindade do ser. Percebo que ignoram pelo jeito que falam. Entendo porque ignoram. Por dois motivos: 1) A inferência da consciência é a mais fácil de inferir. A inferência da potência é muito difícil de inferir. 2) Seus antecessores (os professores desses professores) também só inferiram a consciência, então, eles repetem o que aprenderam. Um professor que entende e considera o ser apenas como consciência está usando um mapa incompleto do ser. E sendo assim, faz todo sentido afirmar que não existe arbítrio. Um cego, ao abrir a torneira de um chuveiro, também concluiria que não é responsável pela água que está caindo sobre sua cabeça. Os alunos que seguem esses professores de mapa incompleto, acreditam que tem o mapa completo. Pensam que sabem. Afinal, são alunos de mestres iluminados. Daí vem a dificuldade desses alunos com a explicação da UNItrindade. Esse talvez seja seu caso. Por fim, vale observar que a psicologia, por outro lado, tem um mapa bem detalhado sobre o funcionamento do desejo, mas sendo que a potência do ser é existencial, a psicologia também não entende a razão primordial do sofrimento. O mapa da psicologia também é incompleto.

© 2023 • 1FICINA • Marcelo Ferrari