MUDE DE HOTEL

02/10/2019 by in category Textos tagged as with 0 and 0

Um homem entra no elevador de um hotel. O ascensorista lhe pergunta: “Qual andar o senhor deseja ir?”. O homem responde: “Qualquer um, estou no hotel errado!”. Outroísmo é o hotel errado. É você se obrigando a ser igual os outros. Você é você justamente porque não é os outros. Por isso viver outroísta não dá certo! Nunca deu! Nunca dará! Tanto faz para onde você vai dentro do hotel do outroísmo, todas as portas que você abre e todos os quartos em que entra, só servem para lhe manter vivendo mal. Para viver bem, mude de hotel. Viva autoísta. Permita-se ser você!

© 2018 · 1FICINA · Marcelo Ferrari