ESPINHOS DA CONVIVÊNCIA

06/11/2018 by in category Textos with 0 and 0

Os porcos espinhos saíram do estado de isolamento e caminharam até a porta da convivência. Antes de atravessarem a porta, o guardião explicou: “Assim que vocês entrarem, começarão a experimentar uma coisa chamada “convivência”. Vocês irão interagir, trocar e cooperar uns com os outros, mas também irão magoar e machucar uns aos outros, muitas e muitas vezes. Lidar bem com o mal faz parte da aprendizagem da boa convivência. As brigas, as mágoas, os espinhos devem ser usados para aprendizagem. No começo é difícil porque dói muito. Aprendam a usar a dor como despertador e professor. Na hora da raiva, da dor, da decepção, da tristeza, olhem para o que está acontecendo do lado de dentro, nunca para o lado de fora. Bons estudos e podem entrar!”

© 2018 · 1FICINA · Marcelo Ferrari