LIVROS

*Os livros estão na ordem de leitura recomendada.


LIVROS EXTRAS

Desculpaê, Omelet, mas “ser ou não ser” é uma pergunta ingênua e irrelevante para a dor humana. A pergunta que não quer calar é: “junto ou sozinho?”.

O inferno são os outros, mas o paraíso também. Quem estraga o mundo são os outros, mas quem embeleza também. Quem pisa no seu pé são os outros, mas quem te beija também. Quem te machuca são os outros, mas quem te afaga também.

Schopenhauer tem uma metáfora para ilustrar o dilema da convivência. Ele diz que somos um bando de porcos espinhos no inverno. Melhor seria que vivêssemos sozinhos, afastados uns dos outros, para não ferirmos uns aos outros. Mas viver sozinho é frio, dói tanto ou mais do que ser atravessado pelos espinhos dos outros. Então, nos aproximamos em busca do calor da companhia e, inevitavelmente, nos ferimos. E nos afastamos novamente e depois nos aproximamos, e assim sucessivamente.

O porco espinho Guilherme Arantes, quando foi ferido, disse viu tudo mudar. Guilherme desejou a solidão, mas duvido que gravou a música para cantar sozinho.

© 2021 · 1FICINA · Marcelo Ferrari