AMANHÃ É NUNCA

21/02/2016 by in category Textos with 0 and 0

Você não quer sair da cama. Por isso você aperta o soneca. E aperta de novo, até o limite da demissão. Ficar na cama sonhando com a demissão é tudo que você mais quer. Mas você não fica. Todo mundo faz o que não quer, queira ou não queira, e você não pode ser diferente. Todo mundo atravessa o dia se arrastando, queira ou não queira, e você não pode ser diferente. No fim do dia, todo mundo volta para casa sentindo o mesmo vazio, a mesma agonia, o mesmo desgosto em viver, e claro, você igualmente. Mas daí você acende um incenso diferente, coloca uma música diferente, faz uma meditação diferente e volta para cama. Afinal, amanhã, amanhã, amanhã, vai ser diferente.

© 2018 · 1FICINA · Marcelo Ferrari