A qualidade das nossas escolhas depende do nosso grau de autociência?

26/05/2020 by in category Perguntas tagged as with 0 and 0

Não existe grau de autociência, o que existe é grau de autoconhecimento.

Autociência e autoconhecimento são coisas diretamente relacionadas, mas não são a mesma coisa. Autociência é a prática que produz autoconhecimento. Autoconhecimento é o produto da prática de autociência. Essa é a relação entre ambas. Vou fazer uma analogia com o conhecimento científico para ampliar esse entendimento.

O conhecimento científico também é produzido através de uma prática. Qual? Através da prática da ciência, que consiste em observar e estudar a natureza material (aquilo que o observador observa). A prática da ciência produz conhecimento científico como biologia, química, física, etc. Quanto maior o grau de estudo científico, maior o grau de conhecimento científico.

Autoconhecimento também é produto de uma prática científica: autociência. A diferença é que na autociência, o objeto de estudo não é a natureza material, é a natureza humana e a natureza consciencial (o observador em si). Então, , tal como na prática científica, quanto maior o grau de estudo autocientífico, maior o grau de autoconhecimento.

Fazendo essa correção e colocando na primeira pessoa, sua pergunta fica assim:

PERGUNTA: A qualidade das minhas escolhas depende do meu grau de autoconhecimento?

Sim, completamente, totalmente, absolutamente.

Feche os olhos e tente tomar café da manhã, por exemplo. Suas escolhas serão péssimas. É capaz que você coloque suco de manga no café pensando que é leite. Isso se conseguir fazer café de olhos fechados. Quer outro exemplo? Feche os olhos, entre no seu carro e dirija de olhos fechados da sua casa até seu emprego. Suas escolhas serão tão ruins que você não conseguirá sequer sair da garagem.

Viver mal é optar mal. Oooooooobivu! Ululante! Mas nem você nem ninguém opta pela pior opção. Todos sempre optam pelo que acreditam ser a melhor opção. Mesmo com os olhos fechados você opta pelo que acredita ser a melhor opção. Você coloca suco de manga no café porque acredita que é a melhor opção, você acredita que é leite. Então, você não vive mal porque opta pelo pior, você vive mal porque ignora o que é melhor e pior.

O mal viver é causado pela má escolha, mas a má escolha é causada pela ignorância. Seu arbítrio funciona perfeitamente, igual um carro, levando você pra lá e pra cá, o problema é que o motorista (você) está dirigindo com os olhos fechados.

Por isso, para viver bem, é preciso lucidez (autoconhecimento). Só que autoconhecimento é produto de uma prática. Autoconhecimento não surge do nada, não é um produto que você compra no supermercado ou no shopping center. Autoconhecimento é produto da prática de autociência, só e sempre.

Então, em verdade, em verdade, vos digo: é impossível viver bem sem praticar autociência. Para viver mal, ignorância basta, mas para viver bem, só com lucidez e maestria. E quanto mais lucidez (autoconhecimento) e maestria, melhor você opta, então, melhor você vive.

© 2020 · 1FICINA · Marcelo Ferrari